Neymar é anunciado pelo PSG e se torna jogador mais caro da história

78

Demorou, mas o Paris Saint-Germain finalmente pôde anunciar a maior contratação da história do futebol mundial. Após pagar a multa de 222 milhões, o clube francês terá Neymar como seu camisa 10 para a próxima temporada europeia. Neymar vai assinar contrato para defender o clube francês pelas próximas cinco temporadas.

A transferência encontrou certa resistência do Barcelona, que nada pôde fazer quando o PSG se dispôs a desembolsar o valor recorde de aproximadamente R$ 810 milhões para contar com o brasileiro, mais do que dobro da antiga transferência mais cara do mundo.

O recorde pertencia a Paul Pogba, que se transferiu para o Manchester United na temporada 2016/17, após se destacar pela Juventus, por 105 milhões de euros (R$ 389 milhões na cotação atual).

Neymar chegará ao novo clube ainda esta semana e receberá a camisa 10 do PSG. O argentino Javier Pastore, que ofereceu a numeração ao atacante da Seleção, ainda que o brasileiro utilize a 11 desde que chamou a atenção pelo Santos.

A negociação foi tensa e passou por momentos em que parecia não ter chances de um final feliz. Por conta de questões envolvendo o Fair Play Financeiro (FPF) da Uefa, a liga espanhola havia se recusado a receber o valor da multa rescisória de Neymar, gerando críticas da liga francesa.

Entretanto, com a resolução deste problema específico, o valor foi repassado ao Barcelona e a transferência pôde se concretizar sem mais delongas. Neymar se junta aos brasileiros Dani Alves, Marquinhos, Thiago Silva e Lucas no elenco do PSG.

Em sua chegada ao clube francês, o jogador mais caro do mundo destacou o status que o Paris Saint-Germain atingiu desde sua chegada à Europa e se disse pronto para o novo desafio.

“Estou extremamente feliz de chegar ao Paris Saint-Germain. Desde que cheguei à Europa, o clube tem sido um dos mais competitivos e ambiciosos. E o maior desafio, que me motiva mais, é ajudar o clube a conquistar os títulos que a torcida quer. A ambição do PSG me atraiu ao clube, junto com a paixão e a energia que isso traz. Joguei quatro temporadas e na Europa e me sinto pronto para o desafio. A partir de hoje, farei de tudo para ajudar meus novos companheiros, abrir novos horizontes para o clube e trazer felicidade para seus milhões de torcedores em todo o mundo”, declarou o brasileiro. O Dia

SHARE